Comissão Justiça e Paz de São Paulo (1972-1985)

Cód.: 308
Autor: Renato Cancian

Comissão Justiça e Paz de São Paulo (1972-1985)

Passe o mouse sobre a foto para ampliar

Clique na foto para ampliar

de R$27,50 por R$8,25
Economize R$19,25!

Prazo de Entrega

O prazo de entrega de sua compra contará a partir da confirmação do pagamento - e não a partir da data da compra.

Descrição

Esta obra é importante porque recupera a história da Comissão Justiça e Paz de São Paulo, criada em plena vigência da ditadura militar, e que, por meio de sua corajosa atuação, defendeu centenas de perseguidos políticos. Seria inimaginável o nascimento da CJP-SP sem a presença sempre vigilante e corajosa de Dom Paulo Evaristo Arns. Naqueles tempos sombrios, Dom Paulo foi sempre uma referência de coerência. A violência dos perseguidores, em vez de fazer com que o Cardeal Arns abandonasse a defesa dos Direitos Humanos, transformava-se em mais um estímulo na tarefa imperiosa de salvar vidas. E quantos não foram salvos pela ação de Dom Paulo. O livro demonstra, ainda, como em numerosos casos a CJP-SP foi a última voz - ou até a única - que saiu em defesa do respeito aos Direitos Humanos. Sua ação foi um exemplo de luta pela defesa de uma sociedade democrática e pluralista.

Informações adicionais

  • Peso: 0,35 Kg
  • Dimensões do produto
    • Comprimento: 21,00 cm
    • Altura: 2,00 cm
    • Largura: 14,00 cm

Aproveite também